sábado, 10 de janeiro de 2009




SUS - Sistema Único de Saúde


Estamos em 2009, este ano o SUS completará 19 anos e a meu ver não ficou adolescente e muito menos saiu da infância.

Hoje é um ser crescido, desnutrido e débil, não é um adolescente cheio de garra, mas sim um jovem tímido que se esconde por que não amadureceu e nem sabe dialogar com seus clientes contribuintes.
A foto ao lado mostra as confortáveis instalações que o
SUS oferece para o acompanhante do cliente e para o cliente.
Um leito no corredor com o acompanhante embaixo no chão
de um hospital de grande porte. Esta foto foi feita por mim.

Fazer saúde num país que o próprio sistema não funciona é algo assim mágico!


Como tudo é magia neste país!! No qual para tudo se faz a política do "de graça'' como se dinheiro fosse folha de árvore que dá em qualquer lugar.


Fazer saúde é muita responsabilidade e algo muito caro. Poderemos ser os melhores Enfermeiros, formados na Universidade Federal, Mestrados e Doutorados no exterior, mas se não tivermos um Sistema que funcione a contento, ensinaremos um conto de fadas para nossos alunos e eles viverão o pesadelo depois!! e esquecerão tudo o que aprenderam, de tanto fazer errado! por que não tem material e o improviso é o show do plantão! Ainda existe gente que se orgulha de improvisar e dar jeito em tudo, parece que descobriu a pólvora ou que está se achando o "'inventor'' ou o funcionário altamente produtivo que cortou o equipo para fazer uma conexão que naõ foi comprada.
Mas o mais hilário mesmo é ter um Sistema de pré-hospitalar de primeira linha, com ambulâncias caras e bem equipadas, com profissionais treinados que resgatam o paciente e fazem o primeiro atendimento, em alguns casos com recursos de UTI e quando chegam no hospital não tem leito!!!!

Uma grande prova de que algo está errado e muito errado!!!

Fiz esse texto quando tive a disciplina Políticas de Saúde no segundo período e briguei muito com minha professora, por que sempre era contra o SUS, fiz um seminário no dia do aniversário do SUS e mostrei o quanto tudo era um questão de dinheiro e interesse, pena que a ditadura acabou mas algumas pessoas ainda sentem falta dela. Perdi pontos por criticar o SUS, mas falei o que queria, não me calei , nem fiquei a aceitar o inaceitável, penso com minha cabeça e com dados, hoje descobri que professor não sabe tudo, e médico nem sempre sabe o que está fazendo.

Eis o texto.

Quem já não ouviu isto?

"
A saúde é direito de todos e dever do Estado"

Tenho certeza que bem poucos leram o resto do artigo que diz:

“... o dever do Estado não exclui o das pessoas, o da família, o das empresas e o da sociedade" Lei 8.080/90 SUS Artigo 2 segundo parágrafo.

Mudou um pouco, não?

Acredito que este "direito de todos" faz muita gente pensar que a responsabilidade, o custo e o problema é exclusivamente do Estado.

E quem é o Estado? Quem provê o Estado? Será que ele é auto-sustentável?

Não, não é. Portanto essa saúde custa muito caro quando quem dirige bêbado e entra num poste.

Primeiro chega o SAMU com sua equipe de UTI móvel + ou - R$ 1.500,00 por resgate é gasto, com esse "cidadão", ele é transferido para um Hospital de Grande Porte, geralmente é entubado, ocupa um precioso e raro ventilador mecânico , passa para a cirurgia e normalmente acaba seus dias num leito de UTI tão disputado, gastando uma fortuna!!

Fruto de quê? Da irresponsabilidade de quem acha que a saúde é dever do Estado e que tudo é de graça.

Você já percebeu que o Governo faz mil campanhas? AIDS, trânsito, violência sexual, violência contra a mulher, você acha mesmo que é por que ele se preocupa com seus cidadãos? Então leia:

Art. 2º - A saúde é um direito fundamental do ser humano, devendo o Estado prover as condições indispensáveis ao seu pleno exercício.

§ 1º - O dever do Estado de garantir a saúde consiste na reformulação e execução de políticas econômicas e sociais que visem à redução de riscos de doenças e de outros agravos no estabelecimento de condições que assegurem acesso universal e igualitário às ações e aos serviços para a sua promoção, proteção e recuperação.

Ou seja planeje faça a promoção para não gastar na recuperação.

Isto é só um fato isolado, existem milhares de exemplos.

Mas já ouviu aquela clássica? (p/funcionário público)

"Eu pago seu salário!"

Pois é, será que paga mesmo? Ou está me devendo?

A seguridade Social é composta por Previdência, Saúde e Assistência Social (Art 194 C.F) que são políticas integradas e complementares, essa Previdência é paga em parte pelo meu salário e pelo seu que está lendo, parte dessa arrecadação vai para a saúde, Previdência Social e Assistência Social da qual fazem parte aqueles famosos Bolsa-Família, Vale-gás, Bolsa-Escola etc. Quem vive só dessas "bolsas" que o governo diz que paga mas que na verdade vem da previdência que pagamos, adora dizer que" paga meu salário! "mas como? se sou eu que pago a Previdência!

Já ouvi “Mas ele compra, e quando compra paga imposto”!

“Sim, e o dinheiro que ele usa para comprar veio de onde”?

Será que não mereço ouvir um:

"Muito obrigado por você ser tão trabalhadora! Ao invés desse desaforo"?

Em 2007, 32 milhões de trabalhadores tiveram suas carteiras assinadas e 5,9 milhões de funcionários públicos e militares contribuíram com a Previdência, somos 186 milhões de pessoas no país (IBGE 2008), faça as contas, já que poucos pagam e todos usufruem do SUS, você entende agora por que tem que pagar convênio para ser melhor atendido?

Será que é tão justo realmente isto?

O que acontece?
Quem paga não usufrui e quem não paga além de se beneficiar ainda reclama!! E nem falamos de previdência para a aposentadoria pois dá outro texto!

E a propaganda é "Saúde para todos de graça!"

Não se iluda, nada é de graça, alguém paga e esse alguém com certeza trabalha muito e é tido como vilão (classes média e alta), e a classe baixa também está aderindo aos planos de saúde, que crescem cada dia mais, sabem por quê? Por que descobriu que o atendimento não atinge nem de longe a sua totalidade, continuamos como no principio na Grécia que só quem tinha dinheiro era quem tinha direito a médico por quê eles eram caríssimos, quem não tinha se contentava com os curandeiros.

O SUS é lindíssimo no papel, mas não tem como funcionar por que matemática é exata e não faz esse milagre de que "se um paga dez usam" .

Infelizmente mudar é quase impossível por que seria mexer no bolso de todo mundo e na cabeça de todo mundo, inclusive de quem não "tem "e nem quer "ter," por que" ter “dá muito trabalho”!

É melhor esperar e receber do 'GOVERNO" no final do mês, fazer mais filhos para ganhar mais bolsa-escola e perpetuar a pobreza e a ignorância por que é isso que gera voto para os esquerdistas, convido você a ler a história do SUS desde 1920, não desde 1990, você verá que as coisas já foram bem diferentes, e como politicamente foram introduzidos no sistema quem não quer nada com a vida, e se quiser saber mais pesquise pelo mundo os sistemas de saúde e descobrirá coisas assustadoras!

Porém não mais do que morrer no corredor de um hospital, ou na fila do transplante, ou o acompanhante dormir embaixo do leito do paciente no corredor por que não há lugar para ele, não mais do que esperar dois, três meses por um exame ou dois, três meses por uma consulta, não mais do que pagar duas, três vezes por saúde e ter que pagar um plano particular para ser atendido.

O SUS tem 18 anos de idade com a estrutura de quem tem 03, é frágil e débil porém uma arma na mão de quem só quer voto, será que é realmente o melhor sistema do mundo?
Só não enxerga quem não quer, por quê tem na cabeça a idéia implantada de que tudo tem que ser de "'GRAÇA'' o que não tem a menor graça, e duvido que quem defende com unhas e dentes se não um planozinho de saúde nem que seja dos mais modestos só para garantir.

A propósito você sabia que tem direito a se internar em casa?

Com uma equipe multidisciplinar?

Consulte Lei 10.424 de 2002, você ficará maravilhado! Mas calma...é o SUS!


3 comentários:

alzenir disse...

muito bom garota! sempre acreditei no seu potentecial vc vai longe bjs.......

ailton disse...

Suas críticas e sugestões é pertinente e histórica. Infelizmente estamos atrelados ao subdesenvolvimento que assola o nosso país em todos os segmentos da sociedade, seja na saúde como vc mostrou sua relevância, educação, cultura e etc. Gostei do que li. Espero outros. Bjoss doutora

franci bahamult disse...

o que é uma sociedade desenvolvida?
o viver em sociedade comtempla a busca de direitos e o cumprir dos deveres
nao querendo inventar a roda, e persistente a constatação que nas sociedades competitivas os individuos tem bem claro as fronteiras que delimitam seus direitos dos seus deveres
muito se fala, mas pouco se faz no campo dos serviços publicos, quando se vai a um hospital se quer plenamente os direitos de forma individual e imediatista, o SUS, neste contexto, é uma vitrine aberta a receber pedradas " que atire a primeira pedra aquele que..."
o recente processo eleitoral no grande irmão do norte nos revelou, assombrados, como os ganhos sociais são preteridos naquela sociedade e assistimos pelo que foi externado nos debates que nosso pais foi citado varias vezes como exemplo nas areas dos combustiveis renovaveis, na tolerancia socio-cultural, nos transpostes coletivos e, sim, na area da saude publica não onerada donde fomos citados como exemplo!
a melhora na prestaçao do serviço publico de saude e funçao da melhora dos serviços publicos em geral, o estado quando encarado como prestador de serviços e visto pela sociedade como lerdo e ineficiente e a iniciativa privada como baluarte de eficiencia e agilidade...(vou ter que intepomper mas retomo o comentario para concluir a ideia)
Franci Bahamult